Bruno Fernandes rasga jornal Record após ser acusado de estar contra Ronaldo: “O jornalismo português está podre… Não queiram descontextualizar o que eu disse”

Bruno Fernandes rasga jornal Record após ser acusado de estar contra Ronaldo: "Não queiram descontextualizar o que eu disse e escrever ao vosso gosto só para ganharem cliques"

Bruno Fernandes não gostou dos artigos escritos sobre as suas palavras no final da partida da seleção portuguesa e deixou um recado nas redes sociais.

Links patrocinados

No final da goleada portuguesa sobre o Luxemburgo, Bruno Fernandes reagiu às palavras de Cristiano Ronaldo e contrariou o capitão da seleção.

“Simplesmente é um treinador com ideias novas. Não há lufadas de ar fresco. É só um período de transição. O ambiente sempre foi bom. Nunca houve nada que não fosse fresco, de ar. Simplesmente são novas dinâmicas”, afirmou o jogador do Manchester United.

Links patrocinados

O contraste da opinião de Bruno Fernandes e Cristiano Ronaldo foi noticiado por vários jornais e o português comentou na página de Instagram do jornal Record a deixar duras críticas ao jornal.

Leia Também: “Ingratidão”: Susana Torres desmascara em público Éder com provas irrefutáveis

“Meus caros não queiram criar problemas onde eles não existem. Façam o vosso trabalho de maneira séria, não queiram descontextualizar o que eu disse e escrever ao vosso gosto só para ganharem cliques.

Que o jornalismo português está podre no que toca aos clubes já todos sabemos, mas pelo menos na seleção tentem rumar para o mesmo lado assim como nós fazemos no campo juntos com muita alegria e seriedade. Deixo-vos este comentário para vos dar ainda mais atenção do que queriam mas para fazer melhor o vosso trabalho!”, apelou o jogador.

You may also like...