Revelados os (verdadeiros) motivos da separação entre Ronaldo e Jorge Mendes

Revelados os (verdadeiros) motivos da separação entre Ronaldo e Jorge Mendes

Já são conhecidos os motivos que levaram ao final da relação profissional entre Cristiano Ronaldo e o “super-agente” Jorge Mendes.

Links patrocinados

Jorge Mendes, através da Gestifute, foi o responsável pela gestão da carreira de Cristiano Ronaldo durante toda a sua carreira, desde o Sporting até ao regresso ao Manchester United.

No entanto, nos últimos meses, a relação entre os dois tem-se deteriorado e os dois decidiram mesmo terminar com a parceria, sendo Ricardo Regufe, o personal manager de Ronaldo, quem está agora a tratar da carreira do jogador.

Links patrocinados

Jorge Mendes terá ficado “frustrado para com a recusa de Ronaldo em aceitar que não era possível encontrar um clube europeu” que o quisesse contratar, aconselhando o jogador a permanecer ao serviço do Manchester United, mas Cristiano Ronaldo não queria.

Leia Também: Ronaldo comete ‘gaffe’ e confunde a Arábia Saudita com… a África do Sul

O clube inglês também terá feito de tudo para agradar a Ronaldo, oferecendo a possibilidade deste ser emprestado a outro clube, suportando grande parte do ordenado, pedindo apenas o pagamento de cerca de 90 mil euros por semana do clube para onde fosse o jogador. No entanto, esta opção também não agradou ao português.

Ricardo Regufe inicialmente também aconselhou Ronaldo a permanecer em Old Trafford, mas terá assumido depois outra postura, que lhe permitiu assumir o comando das negociações com o Al-Nassr.

You may also like...