Joana de Sousa Cardoso sofre recaída e cancro maligno volta a aparecer

Joana de Sousa Cardoso sofre recaída e cancro da mama volta a aparecer

Joana de Sousa Cardoso voltou a ser diagnosticada com cancro da mama, 14 anos após ter recebido o mesmo diagnóstico, em 2008.

Links patrocinados

Em junho do ano passado, a ex-mulher de Mico da Câmara Pereira sentiu um nódulo no peito, através de um autoexame de palpação à mama.

“Ao longo destes anos todos – o meu primeiro tumor foi em 2008 – aprendi a conhecer o meu corpo e aparecem-me muitos nódulos, quistos, seromas, que no início assustavam, mas que depois fui percebendo que eram coisas normais do corpo.”

Links patrocinados

“Desta vez percebi que era diferente, liguei logo para o meu ginecologista e no dia seguinte fui ter com ele. Fizemos uma mamografia e uma ecografia mamária de imediato e ele confirmou que era um tumor maligno”, explicou Joana à revista Caras.

Leia Também: Ronaldo traiu Georgina? Mulher acusa Cristiano de a ter manipulado

Apesar desta não ter sido a primeira vez que foi diagnosticada com a doença, a arquiteta confessa que desta vez foi mais difícil receber a notícia.

“Foi muito mais difícil receber a notícia agora do que foi em 2008. Já sei ao que vou. Já sei o quão difícil é o processo, o difícil que é a espera, para mim e para os meus […] As idas constantes ao hospital para fazer análises, exames atrás de exames, porque aparece na mama, mas tem de se saber se há no resto do corpo, os tratamentos, a cirurgia, o pós-cirurgia, é tudo muito solitário e difícil”, recordou.

“Foi preciso chorar muito esta dor para aceitar e seguir em frente. Quando recebi a notícia senti um impotência gigante, senti-me muito desmoralizada e profundamente triste. Já tinha passado por isto, não tinha de passar outra vez”, afirmou.

You may also like...