Cristina Ferreira furiosa não perdoa TVI após ser retirada da Direção

Cristina Ferreira furiosa não perdoa TVI após ser retirada da Direção

Cristina Ferreira tinha regressado à TVI durante o verão de 2020, depois de uma entrada e saída polémica da SIC. Agora, três anos depois, tudo mudou.

Links patrocinados

Como já tinha sido avançado durante esta semana, o contrato de Cristina Ferreira termina na próxima quinta-feira, dia 31 de agosto, e sabe-se que perdeu o lugar de diretora de entretenimento e ficção da TVI, bem como um corte salarial de 50%, ou seja, para metade.

As decisões da direção da TVI não caíram bem à apresentadora, depois de perder um dos estatutos mais importantes da estação de Queluz de Baixo e ver o seu ordenado reduzido de 200 para 100 mil euros por mês.

Links patrocinados

“As negociações estão num impasse e a Cristina pode bater com a porta a qualquer momento”, revelou uma fonte do canal à revista TV7 Dias, deixando claro que a apresentadora está chateada ao ponto de abandonar a TVI já nos próximos dias. Em causa está a “indefinição sobre as funções da apresentadora e sobre a própria estratégia da TVI. São estas duas questões que estão a condicionar a renovação do contrato”.

Caso a saída venha a concretizar-se, a nova edição do “Big Brother”, que estreia a 10 de setembro, fica sem apresentadora. Recorde-se que Cristina Ferreira já disse há uns tempos que “podia deixar a televisão hoje, sem problema nenhum”.

You may also like...