Sérgio Duarte, o GNR do Big Brother, foi condenado

Sérgio Duarte, o GNR do Big Brother, foi condenado

Notícia apanhou fãs e telespectadores do Big Brother de surpresa.

Links patrocinados

Foi avançado esta segunda-feira, dia 29, que Sérgio Duarte, ex-concorrente do Big Brother, da TVI, esteve envolvido num escândalo e acabou mesmo condenado pelo tribunal.

A condenação aconteceu em novembro de 2020 “pela prática em autoria material, e na forma tentada, de um crime de coação s.exual”, começa por referir o site Dioguinho, em primeira mão.

Links patrocinados

Tudo terá ocorrido em 2017, contra uma jovem com quem manteve um pequeno envolvimento. Sérgio Duarte terá ameaçado a vítima que iria expor o conteúdo íntimo dela caso não enviasse mais (fotos) ou não se encontrasse com ele para novos contactos. O tribunal deu como provados praticamente todos os factos e descredibilizou a versão do GNR do Big Brother, que acabou condenado a um ano de prisão com pena suspensa.

De acordo com a mesma fonte, a vítima não terá pedido nenhuma indemnização e o ex-concorrente da TVI foi obrigado a pagar taxas de justiça. Sabe.se ainda que na altura em que foi condenado, já estava com a atual companheira e a cerca de 2 meses de ser pai.

Sérgio Duarte é GNR desde fevereiro de 2020 e a sua condenação ocorreu em novembro de 2020. A mesma fonte entrou em contacto com ex-concorrente da TVI, que confirmou o processo e condenação.

You may also like...